quarta-feira, 22 de outubro de 2014

Sozinha...


(613)
Sozinha! O mundo grita lá fora
eu, em paz, muito sozinha;
talvez que o mundo tenha melhora
fico tranquila, toda entregue, todinha!...

A barulheira sempre continuando
uma agitação tremenda nas pessoas;
eu, em paz, o silêncio amando
agradecendo a Deus, as horas boas.

O mundo grita lá fora, constante
sentada, vou escrevendo um verso
lindo, real, puro e vibrante.

A paz que tenho dentro é preciosa
nos meus pensamentos, assim perdida
chego a sentir o perfume de uma rosa.
Alina Castelo Branco 
(07/10/1976) 






Nenhum comentário:

Postar um comentário