terça-feira, 24 de março de 2015

Saudade*5


(800)
Se saudade matasse
não tinha ninguém no mundo;
corações despedaçados,
dores, lágrimas espalhadas
contidas no amor profundo.
Saudade dói, como dói!...
Você concorda comigo?
saudade fere constante
de leve vai penetrando
vai machucando, doendo...
Eu pergunto muitas vezes
o que seria da gente
se ela não existisse,
pois, quando estamos com ela
estamos também contentes,
pois a pessoa que amamos
está bem dentro da gente
curtindo sangue com sangue
carne com carne, ardendo;
coração com coração
juntos bem juntos, batendo...
Saudade é dor mas acalma,
é amor vivo latente;
saudade é uma dor que dói
mas sem ela não vivemos
quando a vida afasta
de nós, alguém tão querido
fica a saudade conosco
senão ficamos perdidos.
Alina Castelo Branco
(11/04/81)

Nenhum comentário:

Postar um comentário