quarta-feira, 26 de novembro de 2014

Vivi, Talvez!


(651)
Vivi, talvez!
Só pros filhos meus
lutando por eles
e os problemas seus.
Vivi, talvez!
Só querendo ter
e pedindo sempre
sem agradecer.
Vivi, talvez!
Iludindo a mim
pois a vida é
só, dores sem fim
Vivi, talvez!
Sem querer ver;
vendo maldades
sem entender.
Vivi, talvez!
Querendo viver
hoje é que eu sei
o que é sofrer.
Vivi, talvez!
Quem sabe um dia
eu venha a ter
muita alegria.
Vivi, talvez!
Sonhando à toa
mas tenho certeza
fui apenas, boa.
Vivi, talvez!
Com minha dor
tenho por Deus
só, muito amor.
Vivi, talvez!
Sem me aperceber
que estava errada
nesse meu viver.
Alina Castelo Branco 
(27/09/1978)

Nenhum comentário:

Postar um comentário