quarta-feira, 29 de outubro de 2014

Só Bondade!


(306)
Como acabar com a maldade
dessa gente tão tacanha
tão ruim e desprezível
que enxovalha a moral
da criatura humana
e destrói seus sentimentos
com tamanha ignorância?
Só existe uma coisa
que anula a maldade
dessas fracas criaturas
e nos fazem encontrar
outros caminhos
e novas aberturas
caminhos da verdade
que fazem as nossas vidas
ficarem mais queridas;
só com a bondade
sincera e desmedida
é que anulamos
toda a maldade
e curamos
todas as feridas:
se todos tivessem o dom
de falar, de escrever
haveria mais amor
e também menos sofrer.
Alina Castelo Branco
(18/01/1977)


Nenhum comentário:

Postar um comentário